Organização Não Governamental O Nosso Papel

Endereço: Rua Buenos Aires 2 sala 1205 – Centro – Rio de Janeiro – RJ
Telefone/Fax: 55 – 21 – 32371170
Celular:55- 21-88781170 ou55- 21- 96340132
Representante e Contato: Claudia Luna – Gestora /Secretaria Executiva
Home Page: www.nossopapel.org.br Email:claudialuna@nossopapel.org.br ou claudialuna@oi.com.br ou contato@nossopapel.org.br

Realizamos cursos e treinamentos técnico para implantação de oficinas de materiais reutilizados, reciclados e artesanato em geral.

Desenvolvemos e elaboramos produtos especiais de papel, papelaria e artesanato que possam ser colocados no mercado corporativo como brindes para empresas que praticam a responsabilidade social.

Fomentamos a criação de cooperativas.

Realizamos eventos e projetos culturais diversos com capacitação e participação de jovens de comunidades.

Desenvolvemos pesquisas e projetos de responsabilidade social e ambiental para empresas.

Desenvolvemos produtos /brindes para empresas.

Histórico

A ONG O Nosso Papel foi constituída enquanto pessoa jurídica a partir de agosto de 2001, sendo fruto de um trabalho pioneiro em educação ambiental, iniciado em 1991 no Programa de Vídeos Ecológicos da PUC/RIO.

O PVE-PUC/RIO foi criado como um grupo interdisciplinar com o objetivo de promover a consciência ambiental a partir do vídeo. O PVE organizou um acervo com 500 títulos catalogados na Biblioteca Central da PUC/Rio, desenvolveu uma nova metodologia que integra vídeo, dinâmica de grupo e ações que resultem em medidas concretas de proteção ao meio ambiente. Desenvolveu o projeto “O PVE vai à Escola”, com patrocínio do Grupo Lachmann, através da Lei Sirkis, reunindo escolas públicas e particulares do bairro da Gávea para repensarem suas práticas em nível ambiental, formando uma rede solidária intitulada Rede de Escolas da Gávea-REGA, atingindo mais de 25 mil alunos de escolas públicas e particulares do bairro.

Implantou a coleta seletiva de papel nas escolas e partir daí criou o “Caderno Alternativo”, confeccionado com folhas de papel parcialmente utilizadas e pautadas por mimeógrafo.

Foi acoplado ao caderno uma cartilha intitulada: O Papel de Todos Nós, feita por Marcos Magalhães cujos personagens simbolizavam os 3 RS (redução de consumo, reutilização e reciclagem).

Produziu então o Vídeo O PVE vai à Escola com o patrocínio do Grupo Lachmann, através da Lei Sirkis.

Em 1994, levou sua proposta através de oficinas a 14 cidades do Estado do Rio de Janeiro com patrocínio do Fundo Nacional do Meio AmbienteMinistério do Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Amazônia Legal.

Produziu o Vídeo: O Papel de Todos Nós, um livro com o mesmo titulo e organizou uma exposição ecológica com o patrocínio do Fundo Nacional do Meio Ambiente - Ministério do Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Amazônia Legal.

Em 1996, coordenou uma oficina de Cadernos Alternativos no Instituto N. S. de Lourdes (Gávea) e ministrou cursos para formação de agentes ecológicos com participação de jovens das escolas públicas da Gávea.Este projeto foi patrocinado pelo Grupo Lachmann através da Lei Rouanet.Myriam Cristovão e Marcio Lima alunos de escolas públicas do bairro da Gávea participaram da oficina. O projeto era aberto à visitação de turmas escolares.

Alem do Caderno Alternativo foi elaboarada uma linha de produtos de escritório com capa me papel kraft e miolo com papel reutilizado das escolas do bairro.Pastas para eventos também foram confecionadas.

Em meados de 1996, retornou às 14 cidades do Estado do Rio de Janeiro, atualizando o perfil ecológico das mesmas.

Em 1997, produziu um terceiro vídeo intitulado: O Verso do Papel e os livros Perfil Ambiental das Cidades do Estado do R.J., A Rede Ecológica e O Papel de Todos Nós, com o patrocínio do Fundo Nacional do Meio Ambiente – Ministério do Meio Ambiente, Recursos Hídricos e Amazônia Legal.

Em 1998 / 99, com a dissolução do grupo de trabalho, a coordenadora das oficinas, Claudia Luna, passou a ter responsabilidade sobre o projeto OCA, recebendo da PUC/Rio o direito de uso de todo o material didático do projeto.

Em 2000/02, através de parceria com o Grupo Lachmann, Pastoral do Menor, Manos Unidas, o projeto OCA foi repassado a jovens da Cooperativa de Jovens Empreendedores da Pastoral do Menor em Olaria. Com isso, em 2001, o Projeto OCA - Oficina de Cadernos Alternativos, com nove anos de amadurecimento, ganha identidade jurídica própria através da Ong O Nosso Papel.

Atuações:

Em 2001, Claudia Luna, secretaria executiva da organização, criou o projeto” De Coração Para Coração Poetas em Ação Pró Criança Cardíaca”, que reuniu poetas e academias de todo o Brasil com a doação de livros de poesia para serem trocados por alimentos em um evento recital realizado no Terraço do Shopping Rio Sul, com o lançamento da coletânea “De Coração Para Coração Poetas em Ação” com renda revertida ao projeto Pró Criança Cardíaca.
Organizou um serviço pela internet de encaminhamento de pesquisas científicas sobre doenças auto-imunes como Fadiga Crônica e Fibromialgia.

Em 2002, participou da organização do IV Festival Carioca de Poesia realizado no Teatro Gláucio Gill. Durante todo o Festival, a Ong coletou doações de alimentos não perecíveis, para o Pró Criança Cardíaca e Aliança do Divino Pastor.

Também em 2002, a PUC/Rio cedeu à Ong O Nosso Papel o direto de uso dos livros e vídeos produzidos no PVE/ PUC Rio.

Em 2002, aprovou os projetos “Centro de Referência de Cultura Carioca”, e o projeto “Arte da Palavra – Jovens Poetas em Ação’ nas leis de incentivo à Cultura Federal (Lei Rouanet) e Estadual (Lei do ICMS).

Iniciou o “Centro de Referência de Cultura Carioca”, em 2003 com o patrocínio da TELEMAR através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura, montou três centros, atendendo a 160 jovens de 7 à 19 anos com lanche e bolsa. As comunidades ,trabalhadas foram:Tavares Bastos(Catete), Cerro corá, Guararapes e Vila Cândida (Cosme Velho),Santa Marta (Botafogo),

Santo Amaro (Glória ) com o Centro implantado dentro da Escola Municipal Deodoro.O projeto trabalhou com crianças de 7 à 14 anos em atividades culturais de Teatro, Circo, Musicalidade,Poesia, Artesanato,Dança de Rua.

Com jovens de 15 a 18 anos manteve o perfil iniciado no PVE PUC Rio realizando atividades com papel artesanal e cartonagem e eventos totalizando 480 beneficiados indiretos.

O CRCC implantou a coleta Seletiva na Empresa El Paso realizando oficinas e palestras de conscientização para os funcionários com a temática dos 3 Rs ( redução de consumo, reutilização e reciclagem), mostra de videos ecologicos e realização de oficinas de papel artesanal e cartonagem.O Papel coletado na empresa passou a ser doado para a confecção de papel artesanal do projeto.

O material do projeto foi organizado e com ele elaborada a Exposição Itinerante TRANSFORMAR TE que contem o trabalho desenvolvido pelos alunos e professores do Centro de Referência de Cultura Carioca.A exposição foi levada aos seguintes locais: Café do Teatro Glaucio Gil, Colégio Miraflores, Colégio Andrews, Parque do Flamengo, Comunidade Santa Marta,Comunidade de Maruí Grande, Comunidade Guararapes, Evento Praia Limpa em Ipanema entre outros.

O CRCC realizou evento de Natal no Parque do Flamengo com apoio da Administração do Parque e a participação dos jovens do CRCC em atividades de Teatro,Dança de Rua, Oficinas de papel artesanal e Oficina de bijuteria.

Formou jovens multiplicadores e os mesmos participaram como oficineiros responsáveis pelo trabalho com 500 crianças da Festa do” Dia da Criança” da empresa Telemar no Hard Rock Café da Barra da Tijuca.As oficinas realizadas foram de : Confecção de Máscaras a partir do papelão,Criatividade apartir de diversos materiais, Papel Artesanal, Confecção de blocos e Bijuterias de papel revista.

Participou de evento no Colégio Andrews com palestra e exposição dos trabalhos realizados pelos jovens do CRCC.

Participou da “Feira de Natal do Museu da República”, com venda de produtos e apresentação do Grupo “Dança de Rua”, formado pelo projeto CRCC.

Estabeleceu em 2004, parceria com o Hotel Othon Palace localizado na Avenida Atlântica e realizou com os jovens da oficina do Guararapes a decoração do evento: “ Feijoada de Carnaval “,em homenagem ao sambista Nelson Sargento. A empresa Klabin cedeu papelão para a confecção dos ornamentos.

Em 2004, a Ong participou da coordenação do V Festival Carioca de Poesia no Teatro Gláucio Gill, reunindo 200 alunos de escolas públicas e particulares em um evento de poesia com coleta de alimentos não perecíveis Pró Criança Cardíaca.

Aprovou, na Lei Rouanet, o projeto “Centro de Formação Sócio-Cultural Carioca”.

Elaborou o” Projeto Centro de Resgate Social” em parceria com o CIC – Centro de Inovação para a Competitividade e a UNIRIO, para atendimento à População da Barreira do Vasco em São Cristóvão.

Elaborou o projeto “Águas Cariocas”, a ser realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação, a Escola Nacional de Saúde Pública e o Instituto Fernandes Figueiras, ambos da Fundação Oswaldo Cruz - Fiocruz, Flama (Associação de Moradores do Flamengo), Administração do Parque do Flamengo, CIC entre outros.

Iniciou uma parceria com o” Quilombo do Sacopã”, localizado no bairro da Lagoa,formatando os projetos : Centro Histórico Cultural Quilombo do Sacopã apresentado à Petrobras para o Programa Fome Zero.

Em 2004, participou da organização, produção e apoio financeiro para o evento “ Reconhecimento da Comunidade Quilombola do Sacopã” realizado pela Fundação Palmares e o MINC com presença de representantes do Ministro da Cultura Exmo Sr.Gilberto Gil .

Estabeleceu parceria com o Laboratório Social do Jardim Botânico através de apoio ao projeto de jardinagem desenvolvido na Instituição.Agenciou poetas e escritores para darem aulas voluntárias de poesia e literatura aos jovens do projeto.

Iniciou o TAC (FEEMA) para o Estaleiro Ebin e a Empresa CBPO ambas do Grupo Fischer, realizado em no Bairro do Barreto –Niterói, atendendo a Comunidade de Maruì Grande com trabalhos de implantação da coleta Seletiva do Lixo e oficinas de reutilização de materiais para a confecção de produtos artesanais e geração de renda.

Coordenou o evento infanto juvenil do VI Festival Carioca de Poesia, juntamente com o Grupo Poesia Simplesmente, promovendo coleta de alimentos não perecíveis e agenciando a participação de jovens de diversas escolas e comunidades.O evento foi realizado no Espaço Cultural Tom Jobim.

Passou a contar com a Srª Lili Marinho e um grupo de amigos da Ong como mantenedores das oficinas de papel artesanal, cartonagem com elaboração de produtos e eventos, localizadas no Guararapes (Cosme Velho), atendendo a jovens das comunidades Cerro Corá, Guararapes, Vila Cândida, Prazeres e Julio Otoni e outras de Santa Tereza.

Recebeu apoio do Banco JP Morgan Chase, que adotou o projeto CRCC em 2004, realizando o Global Day na oficina,encomendando produtos e repassando verba e equipamentos.

Iniciou uma parceria com a Empresa de Marketing Toque Final que estará trabalhando no material de comunicação do projeto inclusive em 2005.

Iniciou uma parceria com a empresa Schulemberger que realizou uma doação de 5 caminhões de móveis para as oficinas do Cerro Corá e Guararapes .

Foi pré selecionada para o programa “Profissão Futuro do Instituto Camargo Correia” e durante o ano de 2005 participou, juntamente com diversas Ongs de São Paulo de um grupo de discussão e estudos organizado pelo Instituto Camargo que objetivou a eçaboraação de soluções para a inserção profissional de jovens em situaçaõ de risco social.

Estabeleceu parceria com o Colégio Andrews realizando um trabalho de oficinas para uma turma de Ciências recebendo da escola doação de materiais diversos para as oficinas do Guararapes.

Elaborou e aprovou o projeto Arte e Cultura na Sala de Espera do REVIVA, através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura (ICMS).A entidade atende a crianças e jovens com doenças crânio-faciais.

Estabeleceu parceria com o projeto” Novos Caminhos “do IFF-Instituto Fernandes Figueiras –FIOCRUZ, e capacita grupos de mães do projeto “Novos Caminhos” na confecção de produtos artesanais diversos viabilizando a geração de renda.

Iniciou em 2004/2005, um projeto para o Banco do Brasil em parceria com a Designer Angela Carvalho e a Guache Design para produção e montagem de caixas/embalagens para brindes de Natal.As caixas confeccionadas pelos jovens das oficinas de papel foram utilizadas para brindes de Natal da empresa.Os jovens trabalharam em uma grafica parceira da Ong O Nosso Papel, sendo coordenados por técnico especialista em cartonagem.

Em 2005, realizou convênio com a Fundação Palmares e o Ministério da Cultura, para a gestão do projeto: ” Viva as Rodas de Samba! Resguardando o Patrimônio e a Memória dos “Quilombos Urbanos “da Zona Sul Carioca”.

Em 2005 iniciou parceria com a Rede Social do Cosme Velho, Movimento Rio Carioca e Ong Se Essa Rua Fosse Minha para dar inicio a um trabalho integrado entre as diversas iniciativas locais.

Em 2005 a Ong O Nosso Papel realizou parceria com a RECAMARE , uma cooperativa de catadores de lixo que reune diversas cooperativas menores localizadas em comunidades como por exemplo: Bancários,Dendê, Lixão de Gramacho etc viabiliza o contato direto destas cooperativas com uma importante empresa recicladora do PET no intuito de possibilizar a venda direta do PET entre a Cooperativa e a empresa .

Realizou pesquisa para o SIMPERJ - Sindicato dos Produtores de Plástico do Estado do Rio de Janeiro sobre a viabilização de projetos de reciclagem de plastico em comunidades concluindo que a proposta do SIMPERJ seria inviável devido ao alto custo de equipamentos, necessidade de especialistas para o trabalho com os mesmos e falta de espaço fìsico em diversas comunidades para implementação do projeto.

Iniciou parceria com a Petrobrás, para a formatação do projeto Dignidade, Já! que objetiva trabalhar com ex detentos e familiares através de atividades de geração de renda a partir de brindes corporativos.

Participou com seus produtos do Evento sobre Meio Ambiente do Clube de Engenharia .

Participou do Evento Gastronômico de Búzios com Exposição e venda de produtos.

Participou da Semana do Meio Ambiente na AMBEV.

Para 2006 já estabeleceu parceria com o INPI – Instituto Nacional de Propriedade Industrial para a realização de convênio relativo ao projeto “Oficinas Escola Papel Eco Cultural “ implicando em apoio ao projeto, organização da coleta seletiva do papel no INPI e trasnformação do mesmo em produtos a serem utilizados pelo mesmo.

É proponente do projeto “100 Anos de Avenida Central do Rio de Janeiro” tendo como principal parceiro a APPERJ, o Clube de Engenharia entre outros e que propõe a recriação livre da inauguração da Avenida.

Em 2005/2006 realizou para a Caixa Economica Federal em parceria com a Designer Angela Carvalho e a Guache Design produção, montagem, manuseio de produtos, e confecção de caixas/embalagens para brindes de Natal do banco.Os jovens beneficiados pertencem a comunidade do Morro da Providência.

Em 2005 aprovou o projeto Ponto de Cultura o projeto “Fazendo a Diferença em Paquetá” - patrocinio do Ministério da Cultura, Programa Cultura Viva.

Em 2006 participou do evento TEIA durante uma semana no Parque do Ibirapuera setor da Bienal,com exposição de produtos e oficinas de papel organizado pelo MINC com o projeto Ponto de Cultura de Paquetá.

Em 2006 recebeu do Banco JP Morgan Chase uma doação com 8 computadores , 4 fax e impressoras Laser.

Iniciou o programa de visitação escolar em parceria com o Museu Internacional de Arte Naif, no qual oficinas diversas são realizadas pela equipe da Ong O Nosso Papel após a visitação de turmas escolares ao Museu.

Realizou Oficinas de Artesanato com Reciclados para a FEEMA.

Em 2007 realizou o projeto de capacitação de mulheres da Comunidade Julio Otoni em Santa Tereza para a fabricação de papel artesanal para o Café Siorelle, lojas Humaitá e Shopping da Praia de Botafogo.

Em 2007 realizou Pesquisa sobre Responsabilidade Social na comunidade do Paiva em São Gonçalo para a Empresa Techlabor.

Em 2007 iniciou parceria com a Pousada Tambo de Los Incas em Itaipava para a utilização como jogo americano do papel artesanal desenvolvido.

Em 2007 o projeto ASTA em parceria com o Instituto Realice e a Fundação Avina que objetiva a criação de uma Rede de Venda Direta de produtos desenvolvidos por Ongs e Cooperativas.

Em 2007 aprovou na Secretaria de Estado de Trabalho do Rio de Janeiro – SETRAB, projeto de qualificação profissional PLANTEC 2007, realizando capacitação de jovens e mulheres dos Municipios de Maricá, Saquarema e Magé em Artesanato de qualidade com reciclados.A verba para o projeto é proveniente do FAT .O projeto tem como parcerios o Ministério do Trabalho, PNUD e FAT.

Em 2008 foi liberada a primeira parcela para a realização do projeto Ponto de Cultura Fazendo a Diferença em Paquetá.Foi feita mudança no Plano de trabalho e as atividades do projeto foram iniciadas em maio de 2008.

Em Paquetá realiza atividades socio culturais e ambientais para jovens estudantes das escolas publicas locais.Os cursos oferecidos são de Fotografia, Teatro, Capoeira, e Artesanato com ênfase nos reciclados.

Realiza Mostras de Cinema na praça e em clubes da Ilha . Criou o Cine Clube Ponto de Cultura Paquetá com parceria da ASCINE e Rio Filmes .

Montou a Exposição sobre o projeto na Biblioteca Popular Municipal de Paquetá realizando palestras e oficinas para alunos das escolas locais.

O Ponto de Cultura realizou para a empresa Carioca Engenharia um trabalho de responsabilidade social voltado para crianças e jovens da Ilha de Paquetá através de oficinas conscientização ambiental e confecção de produtos feitos a partir da reutilização de materiais com ênfase na Pet e Plasticos em geral que poluem as praias locais.

Participou do Forum estadual e Nacional de Pontos de Cultura.

O Projeto conta com o patrocinio do Ministério da Cultura, Programa Cultura Viva e apoio da Secretaria Municipal de Cultura, Biblioteca Municipal de Paquetá, Secretaria Municipal de Educação, Clube Municipal, Clube Barreirinhas, Hotel Farol,Preventório, CRAS Machado de Assis, Fundação Ataulpho de Paiva entre outros.

Elaborou o projeto qualificação de mães de alunos do INES e implantação do mesmo no segundo semestre de 2008.

Realizou para a Petrobrás Internacional o projeto Sons Brasil com a ocnfecção de 18 mil PORTA CD.Para o projeto foram montados núcleos produtivos qualificando mais de 60 pessoas na confecção do produto.

As comunidades beneficiadas foram as seguintes:Providencia, Julio Otoni, Ponto de Cultura Dama das Camélias, Ponto de Cultura Barão de Mauá,Instituto Fernandes Figueiras/FIOCRUZ com o projeto Novos Caminhos, Comunidade do Cajú, Artesãos da Tijuca, Familias de São João do Meriti ,Mulheres do CRAS Ismênia e CRAS Machado de Assis, Mulheres da Colonia de Pescadores de Paquetá, entre outros.

O projeto foi realizado em parceria com a News Day e Fibra Plac.

Participou do novo catálago de produtos do projeto ASTA 2008.

Em 2008 realizou exposição durante a Semana do Meio Ambiente na CEG – Companhia Estadual de Gás.

Em 2008 realizou Palestras e oficinas na Semana do Meio Ambiente para Eletrobrás e DHL.

Em 2009 continua a realização do projeto Ponto de Cultura Fazendo a Diferença em Paquetá com cursos de fotografia, artesanato, capoeira, teatro, oficinas, palestras e mostras de cinema.O projeto recebeu três prêmios do Ministério da Cultura: Intercãmbio Ponto a Ponto em parceria com o Viva Rio e Premio Areté Eventos em rede com a realização do Festival Cantareira tradições da Ilha de Paquetá.

O projeto localizado na comunidade Julio O Toni continua a produzir papel artesanal para o Café Sorelle e Pousada Tambo de Los Incas e fechou parceria com a Claro na confecção de 36 mil flyers e 2000 cartazes para a Feira realizada nos Arcos da Lapa.

Em fins de 2009 aprovou o Projeto Mercado de Culturas do Brasil em licitação realizada pelo MINC que visa mapear, difundir e comercializar produtos de Pontos de Cultura a nível Nacional.

Em 2010 e 2011 continua a participação no projeto ASTA realizado pelo Instituto Realice desenvolvendo uma linha nova novos produtos para o catálogo.

Em 2011 continua o Ponto de Cultura Fazendo a Diferença em Paquetá.

Em 2011 participou da TEIA CEARÁ.

Em 2011 participou com oficinas e exposições de produtos na semana do Meio Ambiente do TRF – Tribunal Regional Federal, Gerdau e Sul America.

Em 2011 continua o Projeto Oficina de Papel Artesanal realizado na comunidade Julio Otoni em Santa Tereza em parceria com o Café Sorelle.

Em 2011 realizou o Bazar do Bem no Iate Clube do Rio de Janeiro em beneficio do Instituto Benjamin Constant.

Em fins de 2011 e inicio de 2012 realiza curso de papel artesanal no Presidio da Marinha localizado na Praça Mauá.

Em 2012 desenvolveu e elaborou produtos de brinde para o setor de comunicação da Petrobrás.

Em 2012 participou da TEIA PARATY.

Em 2012 participou com oficinas e exposições de produtos na semana do Meio Ambiente do TRF – Tribunal Regional Federal, Tanziram Logística, Sul Americana de Tabaco.

Realizou exposição de fotografia Fazendo a Diferença em Paquetá no Iate Clube do Rio de janeiro.

Em 2012/2013 realiza o curso 2 de papel artesanal e cartonagem no Presídio da Marinha – Praça Mauá-RJ.

Desenvolveu produtos de papelaria para brindes das seguintes empresas:

FUNENSEG , IPIRANGA , TV FUTURA, SHOPPING DA COMUNICAÇÃO, BRITISH COUNSIL, APPROACH, CAFÉ SIORELLE, POUSADA TAMBO DE LOS INCAS, FUNDAÇÃO PONTO FRIO, IPIRANGA , REDE ASTA,INSTITUTO REALICE, NEWS DAY , PETROBRÁS BR, TV FUTURA, FAPES Fundação de Assistencia Social do BNDS.OI Fashion Frequencia, Claro,Ogivly,Luana Piovani Produções PETROBRÁS - Comunicação entre outras.

A organização têm realizado serviços e estabelecido parcerias com as seguintes instituições:

Telemar, OI, El Paso, IKO PORAN, Banco Americano JP Morgan Chase, Schulemberger, , Ponto Frio, , Instituto Camargo Correia, Petrobrás, Fundação Palmares, Ministério da Cultura, Shulumberger, Movimento Rio Carioca, Rede Social do Cosme Velho, Se Essa Rua Fosse Minha, Instituto Rogério Steinberg,Veirano Advogados, Selulloig, Jardim Botânico, Shopping de Comunicação, FUNENSEG,Instituto Realice, CISC, Café Sorelle, Pousada Tambo de Los Incas, Recicloteca , Sindicato dos Produtores de Plastico do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria Estadual de Trabalho do Estado do Rio de Janeiro , Ministério do Trabalho, FEEMA, Techlabor, Gauche Design, Secretaria Municipal de Cultura RJ, Secretaria Municipal de Educação RJ, XXI Região Administrativa, ASCINE, Rio Filme, FIBRA DESIGN, News Day Comunicação e Marketing, Petrobrás BR, Fundação Ataulpho de Paiva, Preventório, XXI Região Adminsitrativa, CRAS Ismenia e CRAS Machado de Assis, Biblioteca Popular Municipal de Paquetá,Hotel Farol, DHL, Eletrobrás, TV Record, FAPES Fundação de Assistencia Social do BNDS,Guarda Municipal de Paquetá, SERPRO, HAZTEC, Chateau Montagne, Tranziram,ViX Logística, Sul Americana de Tabaco entre outros.

Coordenação Geral

Claudia S.A. Luna

Secretaria Executiva e Gestora O Nosso Papel

Formação :Desenho Industrial /Educação Artística – PUC/Rio

Psicologia Clínica – Licenciatura em Psicologia pela PUC/Rio

Especialização – Psicologia do Excepcional – PUC/Rio

Membro da Diretoria do Sindicato dos Escritores.

 
Azimutt